Home atividades cantigas de roda Atividades com cantigas de roda para alfabetização

Atividades com cantigas de roda para alfabetização

22 min read
0
0
342

A importância do professor inserir em suas atividades na educação infantil as cantigas de roda e as parlendas, pois, as mesmas trazem muitas vantagens para o desenvolvimento da criança na questão da ludicidade.

Portanto, na fase de alfabetização, a valorização das cantigas de roda e seu favorecimento à interação entre os alunos e o ambiente escolar são destaques nesta atividade.

Porque melhora-se o desenvolvimento cognitivo e corporal da criança, além de ajudar na criatividade e no enriquecimento do vocabulário.
As cantigas e as parlendas têm algumas características próprias como, por exemplo, a letra.

Além de ser uma letra simples de memorizar, é recheada de rimas, repetições e trocadilhos, o que faz aprendizagem está formatado numa brincadeira, frequentemente falando da vida dos animais, das plantas, do alfabeto, dos adultos, das crianças, e de muitas outras coisas.

Segue Atividades com cantigas de roda para alfabetização:




Plano de aula e Projetos Cantigas de roda




1- PLANO DE AULA: CANTIGAS DE RODA

TEMA: CANTE, BRINQUE E ENCANTE. DURAÇÃO: 1 SEMANA

JUSTIFICATIVA: Cantar é maravilhoso! “Quem canta seus males espanta”. Todos gostam de brincadeiras. Essas cantigas são muito importantes, pois pertencem à tradição oral e são transmitidas de geração a geração.

OBJETIVOS:

•Pesquisar sobre as diferentes cantigas de roda que existem.

•Proporcionar a leitura e a escrita das canções.

•Ampliar o repertório musical e de outras brincadeiras de roda.

CONTEÚDOS:

•Língua Portuguesa

•Arte

• Educação Física

•História

METODOLOGIA:

•Recuperar com os pais, avós, amigos, vizinhos e em livros, cantigas de roda.

•Trabalhar com o grupo de alunos as cantigas .

•Analisar as cantigas de roda .

•Criar e inventar outras cantigas de roda.

ATIVIDADES :

•Elaborar textos coletivos com os alunos a partir das letras das cantigas.

•Dançar as cantigas com coreografia no pátio da escola.

•Criar outras cantigas de roda e ilustrá-las.

•Organizar um livro com as cantigas já conhecidas e as novas criadas pelos alunos.

•Fazer a revisão do que foi copiado no quadro -negro com os alunos.

•Montar o livro com a turma.

PRODUÇÃO FINAL:

Organizar um pequeno livro com as cantigas de rodas com as letras e ilustradas pelas crianças.

AVALIAÇÃO:

Os alunos serão avaliados no desempenho das habilidades e competências utilizadas nas atividades escritas e orais.

 

Projeto 2: 



PROJETO CANTIGAS INFANTIS

Tema: Cantando se aprende.

Justificativa: Cantar é maravilhoso! . Todos gostam de brincadeiras. Essas cantigas são muito importantes, pois pertencem à tradição oral e são transmitidas de geração a geração. Entre na roda, na ciranda da brincadeira e divirta-se aprendendo.

Objetivos:

  • Apresentar diversas cantigas de rodas.
  • Proporcionar a leitura e a escrita das canções.
  • Ampliar o repertório musical e de outras brincadeiras de roda.
  • Compor canções com as melodias já conhecidas.

Metodologia:

  • Trabalhar com o grupo de alunos as cantigas.
  • Interpretar as cantigas de roda oralmente e por escrito,criando outras cantigas de roda com melodias já conhecidas.
  • Elaborar textos coletivos com os alunos a partir das letras das cantigas.
  • Dançar as cantigas com coreografia.
  • Criar outras cantigas de roda e ilustrá-las.
  • Assistir vídeos referente a cantigas.

Público Alvo:

Alunos do 2º Ano Ensino Fundamental

Produto final:

Ilustras as cantigas com desenhos no Apresentação das cantigas no pátio da escola.

 

Projeto 3: cantigas de roda





Área do Conhecimento:

  • Língua Portuguesa- Alfabetização Justificativa:
  • Ensinar às crianças a ler e escrever;
  • Expressar de maneira competente na língua portuguesa.
  • Esse projeto visa proporcionar um gênero que permita às crianças sentido à leitura e escrita.
  • Ao estabelecer relações entre o escrito e o oral, os alunos avançam nas habilidades de leitura, escrita e interpretação do próprio texto.

Objetivos:

  • Possibilitar que as crianças vivenciem, desde o início de seu processo de alfabetização;
  • Atividades que envolvam textos, palavras, letras significativas;
  • Propiciar às crianças a aquisição de um repertório de letras de forma a contribuir para o desenvolvimento do processo de alfabetização.
  • Estimular a pesquisa e a análise das palavras do texto.
  • Propiciar aos alunos um trabalho rico e prazeroso na aquisição da escrita e da leitura.
  • Estrutura Programática Conteúdos conceituais:
  • Cantigas de roda para ler e escrever.

Conteúdos procedimentais:

Trabalhar com cantigas onde os alunos vão unir as palavras para montar as cantigas de roda:

As letras das músicas mostram o sentido e a função da escrita.

Conteúdos atitudinais:

O projeto possibilita com que os alunos realizem um trabalho coletivo, onde todos estejam envolvidos, provocando situações em que os alunos se ajudem mutuamente no processo de aprendizagem e incentivando a participação. Problematização Muitas vezes nos deparamos nas salas de aula com alguns alunos que não lêem e nem escrevem, outros conhecem as letras, mas não montam palavras nem frases em função das hipóteses que ainda estão desenvolvendo.

Como problematização do projeto buscamos ajudar os alunos a estabelecerem relações entre o escrito e o oral para que avancem nas habilidades de leitura e escrita.

Procedimentos metodológicos:

Através das cantigas de roda, muito requisitadas nas horas das brincadeiras.

Trabalhar com as letras das cantigas.

As letras serão copiadas em cartolina e afixadas na parede para que todos se familiarizem com o texto.

Os alunos já alfabetizados reescrevem as cantigas. Enquanto isso, os outros poderão executar diversas atividades como ordenar tiras de papel com versos, palavras e letras, marcar palavras que já conhecem ou sílabas que reconhecem.

Essas atividades dependerão das hipóteses em que as crianças se encontrem.

A turma ainda pode fazer exercícios de rimas, separando termos da frase, completar e ordenar versos e palavras. Ultrapassada essa fase, fazer o livro onde o aluno escreve e ilustra uma cantiga.

Recursos:

  • Letras de cantigas de roda;
  • Audição de CDs;
  • Cartolinas;
  • Material para confecção de livros;

Avaliação:

Observar se através dessa atividade os alunos avançam no estabelecimento de relações entre o escrito e oral, e se obtiveram avanços na interpretação de textos, bem como nas habilidades gerais de leitura e escrita.

Veja também:




Atividades cantigas de roda para imprimir

Atividades com cantigas de roda para completar

Atividades cantigas de roda

Brincadeiras Antigas e Cantigas de Roda I

Atividades cantigas de roda educação infantil

CANTIGAS COM ATIVIDADES

 

USO DAS CANTIGAS DE RODA  NA ALFABETIZAÇÃO





Inicialmente, é fundamental trabalhar com cantigas de roda conhecidas de memória pelos crianças, pois, assim como nós, eles podem fazer antecipações e inferências, desde o inicio da aprendizagem de leitura.

O trabalho pedagógico com tais cantigas de roda favorece o estabelecimento de correspondência entre o falado e o escrito. 

As cantigas de roda são antigas manifestações da cultura popular, universalmente conhecidas e mantidas vivas através da tradição oral. São textos que pertencem a uma longa tradição de uso da linguagem para:

  •  Cantar;
  • Recitar e brincar;

A maioria deles é de domínio público, ou seja, não se sabe quem os inventou:

foram simplesmente passados de boca a boca, das pessoas mais velhas para as pessoas mais novas.

Dar visibilidade a essas cantigas de roda na sala de aula favorece a valorização e a apreciação da cultura popular, assim como o estabelecimento de um vínculo prazeroso com a leitura e a escrita. Os textos, pertencentes à tradição oral e dos quais as crianças conhecem de memória, possibilitam o avanço nas hipóteses a respeito da língua escrita .

 O primeiro passo para envolvê-los ativamente na leitura, mesmo que eles/as ainda não a dominem, é escolher um texto adequado aos interesses do grupo. Veja algumas sugestões de exploração dos textos:

 Exemplos de atividades com cantigas de roda para alfabetização: 

•Escrever a cantiga de roda em uma folha grande de papel em letra de fôrma maiúscula (caixa alta). 
•Explorar o título e levantar hipóteses do tema gera
•Ler a cantiga de roda completa em voz alta. 
•Estimular as crianças a contar o que compreenderam. 
•Identificar o gênero, suas características e funções, bem como o portador textual, título, o autor, personagens, a intenção do texto, dentre outros aspectos. 
•Ler a cantiga de roda, apontando palavra por palavra, para que eles/as acompanhem. 
•Chamar atenção para a direção da cantiga de roda, os limites gráficos das frases e os espaços entre as palavras. 
•Propor a leitura: silenciosa e compartilhada, individual ou coletiva. 
•Ler e reler cantigas de roda que as crianças conhecem de memória.

É importante salientar que nas atividades de leitura, as crianças precisam analisar todos os indicadores disponíveis para descobrir o significado do escrito e poder realizar a leitura de duas formas: 

O planejamento de situações de leitura para crianças que estão se alfabetizando deve considerar as seguintes questões:




1. É possível ler, quando ainda não se sabe ler convencionalmente. 
 2. Ler (diferentes textos, em distintas circunstâncias de comunicação) é um bom problema a ser resolvido. 

  1. Quando o/a alfabetizando/a ainda não sabe decodificar completamente o texto impresso e precisa descobrir o que está escrito, sua tendência é buscar adivinhar o que não consegue decifrar, recorrendo ao contexto nos quais os escritos estão inseridos, bem como às letras iniciais, finais ou intermediárias das palavras.

4. Os/as alfabetizandos/as devem ser tratados como leitores plenos: é preciso evitar colocá-los em posição de decifradores, ou de “sonorizadores” de textos. 
 5 . É fundamental planejar, desde o início do processo de aprendizagem da leitura, atividades que tenham a maior similaridade possível com as práticas sociais de leitura. 
 6. Deve-se dar oportunidade às crianças de interagir com uma grande variedade de textos impressos, de escritos sociais. 
 7. Apresentar os textos no contexto em que eles/as efetivamente aparecem favorece a coordenação necessária, em todo ato de leitura, entre a escrita e o contexto. 
 8. É preciso propor atividades ao mesmo tempo possíveis e difíceis, que permitam refletir sobre a escrita convencional: atividades em que os alunos ponham em jogo o que sabem, para aprender oque ainda não sabem. 
 9. É importante não trabalhar com as palavras isoladamente, mas como meio para que a criança, com sua atenção focalizada em uma unidade pequena do texto, possa refletir sobre as características da escrita. 
10. Deve-se favorecer a cooperação entre os/as alfabetizandos/as, de tal modo que eles/as possam socializar as informações que já têm, confrontar e pôr à prova suas diferentes estratégias de leitura.




 No que se refere à escrita de textos, é fundamental que eles/as tenham muitas oportunidades de fazê-la, mesmo antes de saber grafar corretamente as palavras: quanto mais fizer isso mais aprenderá sobre o funcionamento da escrita. A oportunidade de escrever quando ainda não sabe permite que as crianças confrontem hipóteses sobre a escrita e pensem em como ela se organiza, o que representa, para que serve. 

É preciso considerá-las escritoras plenas, capazes de produzir textos diversos dirigidos a destinatários reais e orientados para cumprir propósitos característicos da escrita – informar, registrar, persuadir, documentar –, evitando colocá-los na posição de meros copistas de textos irrelevantes, em situações em que a cópia não responde a nenhum propósito identificável.

 

 

Summary
Review Date
Reviewed Item
Professores Heróis
Author Rating
51star1star1star1star1star
Carregar mais artigos relacionados
carregar mais Professor
Carregar mais atividades cantigas de roda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *