Home TDAH HIPERATIVIDADE SINTOMAS

HIPERATIVIDADE SINTOMAS

19 min read
0
0
43

 

É incrivelmente normal vermos crianças, correndo, brincando, se divertindo e agitadas, porém, você até que ponto essa agitação pode tornar um sintoma de hiperatividade?  Quais são as suas causas? Como identificar? 

O assunto de hoje é Hiperatividade e seus Sintomas.

DESCOBRINDO SOBRE A HIPERATIVIDADE

Antes de começar a discorrer sobre os sintomas da hiperatividade, vamos entender como ela de fato acontece.

A hiperatividade é um transtorno neurobiológico que ocorre pelo subdesenvolvimento ou mau funcionamento de certas partes do cérebro, é caracterizado por comportamentos crônicos com duração mínima de seis meses, em pelo menos dois contextos diferentes, como casa e escola, por exemplo, e se instalam antes dos sete anos de idade. 

É o aumento na atividade motora, a pessoa é inquieta e está praticamente o tempo todo em movimento, tratando-se de crianças levantam o todo de suas carteiras, mexem com os colegas, raramente ficam sentadas e quietas, dormem, pois nada as interessa de fato, dentre outros sintomas.

O comportamento verdadeiro de hiperatividade

O comportamento verdadeiro de hiperatividade interfere na vida familiar, escolar e social da pessoa, como os hiperativos não são capazes de filtrar estímulos se distraem com facilidade e apresentam grandes dificuldades de manter a atenção em algo e aprender, estão em constante movimento. Tais situações acabam atrapalhando no seu dia-a-dia, no seu cotidiano e nas relações com os outros, que dividem o mesmo espaço, seja em casa, na escola ou no trabalho. 

É valido ressaltar que o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade não é sinônimo um do outro, ou seja, não é sinônimo de hiperatividade, embora a maioria dos casos de TDAH a pessoa com esse transtorno apresente os sinais da hiperatividade, pode aparecer em diferentes níveis e intensidades, com os sintomas variados de leve a grave, de acordo com o DSM-5.

Manual de Diagnóstico e Estatística dos Transtornos Mentais

O DSM- 5 é o Manual de Diagnóstico e Estatística dos Transtornos Mentais 5ª edição, esse manual feito para os diagnósticos de transtornos mentais, é utilizado por médicos, psicólogos e terapeutas ocupacionais.

Também é valido ressaltar que as crianças em geral são agitadas e mais ativas, isso não significa que são hiperativas, a diferença se caracteriza no excesso dos movimentos físicos, coordenação motora, limites dentre outras características.

A pessoa com hiperatividade necessita de fortes estímulos para se manter focado e atento, mesmo que por pouco tempo, por isso na grande maioria dos casos é necessário que seja feito um tratamento, após ter sido comprovado o diagnóstico para não atrapalhar a vida do individuo.

Ela pode demonstrar também certa impulsividade o que atrapalha ainda mais o seu convívio com as pessoas.

Adultos e adolescentes hiperativos mostram-se diferentes das crianças com hiperatividade, pois e normal que haja uma redução da atividade motora, a sensação de inquietação passa a ser interna ou então mostram-se sempre ocupados com algo, a impressão que temos é que eles estão sempre muito atarefados, o que na realidade ocorre é uma dificuldade em diminuir o nível da atividade.

Adultos têm dificuldade em sair de férias, ou comumente se ocupam com várias atividades ao mesmo tempo, na maior parte das vezes sem conseguir completar nenhuma delas.

SINTOMAS DE HIPERATIVIDADE

Vamos conhecer um pouco sobre os sintomas da hiperatividade em crianças e também em adultos.

Crianças:

  • Inquietude
  • Não brincam com calma
  • Não espera a sua vez
  • Interrompe a fala das pessoas
  • Não consegue manter-se sentada
  • Não consegue se controlar
  • Opositoras
  • Flutuações de humor
  • Fala excessiva
  • Intolerância a Frustrações
  • Mexe constantemente as mãos e os pés
  • Remexe-se na cadeira
  • Abandona suas cadeiras na sala de aula
  • Mexe com os colegas
  • Não se interessam pelos assuntos tratados em sala
  • Sobem em cima de mesas, cadeiras.

Adultos e Adolescentes:

  • Ficam andando de um lado para outro
  • Acomoda-se aos trabalhos ativos
  • Baixa aceitação
  • Frustração
  • Sensação de Inquietação
  • Age como se estivesse sempre ocupado
  • Caráter explosivo
  • Comportamento promíscuo
  • Fala em demasia
  • Variação de empregos
  • Penas de transito e multas
  • Uso de substâncias
  • Exagero de trabalho
  • Dificuldades nos relacionamentos afetivos
  • Alterações de humor
  • Respostas precipitadas
  • Tem dificuldade em aguardar a sua vez
  • Interrompe a fala do outro
  • Intrometido

O DIAGNÓSTICO DA HIPERATIVIDADE

O primeiro passo para dar-se um diagnostico vai depende da observação sobre esse individuo, é geralmente descoberto em crianças com idade inferior aos sete anos de idade, pode também ser diagnosticado em adultos, será mais trabalhoso mas será totalmente possível. Serão os pais mais informados sobre o assunto ou professores da escola, que irão chamar a atenção para a hiperatividade, a criança a partir de então será encaminhada para psicopedagogos e psicólogo para que comecem a serem avaliadas.

A criança hiperativa será assim em todos os lugares, casa, escola, passeios com os familiares, os profissionais nesse momento farão apontamentos para descobrir se é algo intrínseco da criança ou ela está passando por alguma situação diferente do seu normal como, separação dos pais, chegada de novos irmãos, mudança de casa, mudança de escola, baixa autoestima, dentre outros, para se chegar um diagnóstico correto.

O profissional que está tentando fazer o diagnóstico dessa criança irá levantar um histórico completo da criança, depois ele avaliará coisa como:

  • Desenvolvimento Cognitivo
  • Histórico familiar
  • Características emocionais e comportamentais
  • Relação da criança com os familiares, amigos e parentes próximo
  • Vida escolar

Dessa forma o profissional poderá descartar outras patologias como ansiedade, TDAH, alguma doença dentre outros fatos que podem alterar o modo de agir do individuo. Nesse momento criasse uma tríade entre o

  • Família
  • Profissional
  • Escola

Visando o melhor para a criança e também aluno, não se sinta inibido, seja você o professor, o familiar ou o profissional que irá realizar o diagnóstico, em realizar perguntas, em saber a rotina dessa criança, tudo dependerá desses momentos. 

Entretanto o trabalho do profissional responsável pelo diagnóstico não terá base apenas em uma lista de sintomas, ele estará lá para proporcionar uma melhor qualidade de vida para a pessoa diagnosticada, resolvendo os problemas e ajudando a encontrar as melhores soluções para uma melhora de vida da pessoa.

É importante que a hiperatividade seja descoberta o mais cedo o possível, assim a pessoa com hiperatividade passará por acompanhamentos dos quais possam tornar a sua vida mais fácil e seu processo de aprendizagem mais gostoso e melhor aproveitado, dessa forma conforme ela evoluirá conseguirá de adaptar as diversidades e aprender com o seu próprio dia-a-dia.

TRATAMENTO PARA HIPERATIVIDADE

Bom, se diagnosticado corretamente será preciso que a pessoa hiperativa passe por um tratamento com o profissional especializado. Não existe um melhor tratamento para, afinal todas pessoas são diferentes e adaptam de maneira diferente, o profissional com base no seu conhecimento adquirido e com o que ele sabe sobe o individuo é que falará o que será o melhor, porém é sempre bom ressaltar que prática de exercícios físicos, boa alimentação e trabalho mental e emocional são eficientes  na grande maioria dos casos.

O profissional que começou a diagnosticar a pessoa é que recomendará o melhor a ser feito, depois da realização de diversos testes, conversas e discussões com os familiares e a escola ou trabalho ele saberá o que caberá melhor para aquele determinado individuo.

É de suma importância também que as pessoas ao redor pesquisem sobre o assunto, saiba do que se trata a hiperatividade, como é viver com ela e saber que é algo que não tem cura, o conhecimento é a chave para tudo, e saber pelo menos um pouco sobre tais assuntos já facilita e muito a vida de ambos os lados, seja por parte do professor e aluno, família e pessoa, empregado e empregador, dessa forma a convivência torna-se mais prazerosa e fácil para todos.

DICAS:

Você conhece alguém que tem alguns dos sintomas de hiperatividade descritos acima? Converse com essa pessoa, será benéfico para ela procurar a ajuda de um profissional que a ajude á entender o que acontece com ela.

Você alguém que já foi diagnosticado? Seja paciente, todos somos diferentes uns dos outros, e temos nossas dificuldades particulares, tenha uma qualidade importantíssima no século XXI, empatia, coloque-se no lugar dessa pessoa e imagine como seria caso fosse com você. É claro que não conseguimos essa perfeição diariamente, porém podemos tentar não e mesmo?

Conviver com doenças e transtornos que não tem cura é uma triste e difícil realidade, é fundamental que você se conheça intimamente, para de fato conseguir lidar com tudo que ocorrerá dentro de você e ao seu redor, viver em sociedade é uma difícil tarefa que muitos de nós conseguimos lidar com facilidade outros nem tanto.

Professores e lideres:

  • Motive-os, muitos perdem a motivação com muita facilidade
  • Elogie-os, o ato de elogiar deixa a todos mais felizes e com sentimento de capacidade
  • Sejam pacientes, todos temos dias difíceis
  • Estruture o ambiente, os hiperativos podem ser desorganizados, mas isso não significa que ele goste, então mantenha o local sempre em ordem, e peça para que ele te ajude a organização.
  • Proporcione ambientes acolhedores, todo mundo gosta de sentir a vontade
  • Pesquise sobre o assunto, conhecimento é a chave para tudo.

Laís Simão, Pedagoga e Professora Especialista em Deficiências Intelectual e Múltiplas.

Mais sugestões para trabalhar com TDAH

TDAH NA ESCOLA

O QUE É TDAH?

DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM

CRIANÇA HIPERATIVA

Sugestões em vídeo para trabalhar com TDAH

Summary
Review Date
Reviewed Item
Professores Heróis
Author Rating
51star1star1star1star1star
  • ATIVIDADES PARA CRIANÇAS HIPERATIVAS

      As crianças são agitadas e alvoroçadas, isso faz parte do seu processo de crescimen…
  • TDAH NA ESCOLA

      A fase de começar a freqüentar a escola para muitas crianças é complicada e difícil…
  • DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM

      Para quem trabalha com educação sabe que o processo de aprendizagem não é igual par…
  • O QUE É TDAH?

      O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade é um transtorno neurobiológico,…
  • CRIANÇA HIPERATIVA

        As crianças são agitadas e alvoroçadas, faz parte do seu processo de crescim…
Carregar mais artigos relacionados
  • TRANSTORNO DE DEFICIT DE ATENÇÃO

    O Transtorno de Déficit de Atenção é um transtorno neurobiológico, com uma predisposição g…
  • O QUE É DISLEXIA?

    Muitas crianças, jovens e adultos demonstram certas dificuldades com a leitura e a escrita…
  • O QUE É CYBERBULLYING?

    Sabemos que o bullying tem sua origem no inglês, significa valentão, ameaçar, intimidar, r…
  • ATIVIDADES PARA CRIANÇAS HIPERATIVAS

      As crianças são agitadas e alvoroçadas, isso faz parte do seu processo de crescimen…
  • TDAH NA ESCOLA

      A fase de começar a freqüentar a escola para muitas crianças é complicada e difícil…
  • DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM

      Para quem trabalha com educação sabe que o processo de aprendizagem não é igual par…
  • O QUE É TDAH?

      O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade é um transtorno neurobiológico,…
  • CRIANÇA HIPERATIVA

        As crianças são agitadas e alvoroçadas, faz parte do seu processo de crescim…
carregar mais Andre Marques
  • TRANSTORNO DE DEFICIT DE ATENÇÃO

    O Transtorno de Déficit de Atenção é um transtorno neurobiológico, com uma predisposição g…
  • ATIVIDADES PARA CRIANÇAS HIPERATIVAS

      As crianças são agitadas e alvoroçadas, isso faz parte do seu processo de crescimen…
  • TDAH NA ESCOLA

      A fase de começar a freqüentar a escola para muitas crianças é complicada e difícil…
  • DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM

      Para quem trabalha com educação sabe que o processo de aprendizagem não é igual par…
  • O QUE É TDAH?

      O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade é um transtorno neurobiológico,…
  • CRIANÇA HIPERATIVA

        As crianças são agitadas e alvoroçadas, faz parte do seu processo de crescim…
Carregar mais TDAH

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Além disso, verifique

ATIVIDADES PARA CRIANÇAS HIPERATIVAS

  As crianças são agitadas e alvoroçadas, isso faz parte do seu processo de crescimen…