Home TDAH TDAH TRATAMENTO

TDAH TRATAMENTO

20 min read
0
0
146

O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade é um dos transtornos mais decorrentes do século XXI, em alguns dos casos é necessário que haja um tratamento adequado para não prejudicar o individuo.

Mas você sabe como é feito o diagnóstico?

Qual o melhor tratamento?

É igual para todos?

Para começar a entender melhor sobre esse assunto incrivelmente importante, vamos falar um pouco sobre o que é o TDAH?

AFINAL O QUE É O TDAH?

O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade é um transtorno neurobiológico, com uma predisposição genética ou fatores ambientais que aparecem na infância e acompanham o individuo na vida adulta.

Pode ser caracterizada por sintomas de desatenção, hiperatividade e impulsividade, tem como principais causas os fatores genéticos ou causas ambientais:

  • Fatores Genéticos: sendo bastante alta, quando um dos pais possui o TDAH a probabilidade dos filhos a terem também será alta.
  • Complicações na gestação: exposição a fumo e álcool.
  • Parto: toxemia, eclâmpsia, pós-maturidade fetal, duração do parto, estresse fetal, baixo peso ao nascer, hemorragia pré-parto, má saúde materna.

O transtorno é caracterizado por alguns comportamentos crônicos, com duração de no mínimo seis meses, que se instalam antes dos sete anos de idade, afetando pelo menos dois contextos diferentes, por exemplo, escola, trabalho, vida social e claro dentro de casa.

O cérebro da pessoa com TDAH funciona de uma maneira diferente, não possui nenhum retardo mental, pelo contrario, a pessoa com TDAH possui uma inteligência normal, o que parece estar alterado é o funcionamento das substancias químicas chamadas neurotransmissores, que passam as informações entre as células nervosas, causando efeitos na concentração e no esquecimento da pessoa, como a noradrenalina e a dopamina.

QUAIS SÃO OS SINTOMAS?

A pessoa com TDAH começa a mostrar os sintomas desde muito cedo, ainda na fase da primeira infância, quando bebê é possível observar alguns sintomas como:

  • Dificuldade para alimentar
  • Dificuldade para dormir
  • Sente muitas cólicas

Na pré-escola:

  • Muito inquieto e agitado
  • Desobediente
  • Facilmente irritadiço
  • Extremamente difícil de satisfazer
  • Não se ajusta com facilidade

Na fase do ensino fundamental e ensino médio:

  • Distrações freqüentes
  • Não consegue se concentrar
  • Variações de desempenho na escola
  • Envolve-se em brigas
  • Presença ou não de hiperatividade (depende dos casos)
  • Dependendo do assunto aprende com muita facilidade

Na fase adulta:

  • Impaciente
  • Inquieto
  • Falta de concentração
  • Desorganização
  • Dificuldade de manter os relacionamentos
  • Não sabe lidar com prazos

O DIAGNÓSTICO

O diagnóstico do TDAH é totalmente clinico, é realizado por um profissional que conheça a fundo o assunto para descartar qualquer outro tipo de doença ou transtorno, geralmente são médicos psiquiatras juntamente com um psicólogo ou terapeuta ocupacional especializados no assunto, somente eles podem confirmar a suspeita.

É necessária a realização de diversos exames, por isso a importância de ser feito por um médico que entenda da área como, teste neuropsicológico, exames de sangue, entrevista com a pessoa e seus familiares. 

O diagnóstico de TDAH pede uma avaliação ampla, com um cuidadoso histórico clínico e do desenvolvimento.  A avaliação deve incluir um levantamento do funcionamento intelectual, acadêmico, social e emocional, além do exame médico. 

São necessários alguns critérios, necessitando, de um diagnóstico diferencial descartando possíveis outras patologias como problemas de audição e visão, por exemplo. 

Avaliação Para Comprovação do TDAH

A avaliação para comprovação do TDAH deve incluir dados recolhidos com professores e outros adultos que interagem com a pessoa como os familiares, amigos, parentes próximos. 

No diagnóstico de adultos, que é um pouco mais complicado, é preciso conseguir o histórico da infância, do desempenho acadêmico, dos problemas comportamentais e profissionais, conversar com os familiares, amigos e parentes próximos, para que a pessoa seja de fato avaliada com o transtorno.

Vamos entender um pouco sobre o funcionamento do cérebro da pessoa com TDAH, vale ressaltar que não há nenhum retardo mental, o que ocorre é a alteração do funcionamento das substancias químicas, os neurotransmissores, entre eles a noradrenalina e dopamina. A conseqüência da diminuição da dopamina é a falta de concentração e o esquecimento do que lhe é pedido ou passado e alguns dos outros sintomas da pessoa com TDAH como a impulsividade.

Caso a pessoa seja diagnosticada com TDAH o médico irá sugerir qual será o melhor tipo de tratamento para essa pessoa em especifico, não são todos os casos de TDAH que necessitam de medicação, muitos dos casos é preciso apenas uma mudança na rotina em casa, na escola ou no trabalho que ajuda e muito no controle desse transtorno, é somente o médico que poderá medicar ou não a pessoa com TDAH, pois os remédios podem causar efeitos colaterais.

OS TRATAMENTOS DO TDAH

As opções para o tratamento do TDAH são diferentes e variadas, a maioria é estimulante, apesar do nome causam no paciente normalmente um efeito calmante, e também têm as classificadas como não-estimulantes.

Os tratamentos do Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade têm por objetivo aumentar, potencializar a capacidade de concentração e esquecimento da pessoa, fazendo com que os seus neurotransmissores fiquem em alerta, a medicação pode trazer também outros benefícios como uma melhora na coordenação motora, por exemplo, em contraponto os remédios para o transtorno podem trazer também malefícios como distúrbios no sono e perca de peso.

É preciso sempre estar em contato com o médico para que tudo esteja em ordem. O metilfenidato é a mais antiga e mais comum utilizada no tratamento do transtorno no Brasil, seu feito dura em média de três a quatro horas e geralmente é recomendado o uso diário ou os de longa duração, mais ou menos oito horas, dependendo do grau do TDAH existem outros tipo de medicamentos como lisdexanfetamina, que tem a duração de doze horas.

De qualquer modo o melhor é sempre estar sendo acompanhado por um médico especialista no assunto.

Há também a opção das terapias, ela podem trazer inúmeros benefícios para a pessoa com TDAH como o controle da impulsividade, melhora na estima, organização dos pensamentos, melhor gerenciamento dos sentimentos, dentre outros, tudo irá depender da avaliação dos especialistas e do estágio que a pessoa se encontra, juntos os profissionais e familiares encontraram a melhor alternativa para o tratamento adequado. Se bem realizadas e utilizadas tendem a trazer a apenas benefícios para a pessoa.

As terapias podem ser:

  • Psicoeducacionais,
  • Abordagem psicopedagógica,
  • Terapia fonoaudiológica,
  • Terapia comportamental,
  • Terapia cognitiva,
  • Terapia cognitivo-comportamental,
  • Treinamento de habilidades sociais

É importante lembrar também que a pessoa diagnosticada com o TDAH deve manter uma alimentação balanceada e a prática de exercícios físicos em dia. Há estudos que comprovam que uma alimentação correta faz toda diferença na vida das pessoas, não somente as com TDAH, é de suma importância que o equilíbrio entre os dois, alimentação e exercícios, traz inúmeros benefícios para o TDAH como uma melhora em seus rendimentos e a liberação de energia acumulada, sendo uma maneira de associação aos tratamentos recomendados pelos médicos e especialistas.

PARA TORNAR A VIDA MAIS FÁCIL

Se você conhece uma pessoa com TDAH sabe o quão difícil para ela é se organizar, sejam os materiais escolares, mesa de trabalho, agenda ou até mesmo os pensamentos, então vou deixar alguma dicas fáceis de serem seguidas que ajudam a todos, as pessoas com TDAH e quem convive com elas, familiares, colegas de trabalho, professores, e que junto com o tratamento recomendado pelo médico tendem a trazer apenas benefícios.

  • Estruturação do ambiente, o TDAH pode ser desorganizado mas isso não significa que ele goste, então mantenha o local sempre em ordem, e peça para que ele te ajude a organização.
  • Peça para que ele deixe a sua frente o que irá usar, o TDAH se distrai com facilidade em alguns casos, por isso motive-o a deixar a sua visão apenas o que será útil naquele momento.
  • Motive-o, quanto mais motivado a pessoa se sentir maior será o seu nível de atenção para executar uma tarefa ou assistir uma palestra. 
  • Dê instruções claras e simples, seja objetivo no que você deseja.
  • Seja paciente e amoroso (a), o TDAH muitas vezes não toma uma atitude por mau, ajude-o a enxergar o erro.
  • Respeite o seu momento, todos aprendemos de uma forma diferente, incentive-o para que ele aprenda, de um norte, mas não as resposta, isso o desmotivará.
  • Tarefas deleite, motive-o para que ele faça algo do qual gosta, assim ele consegue se focar em uma atividade prazerosa e pode desfrutar de boas companhias.
  • Prepare-o com antecedência, as pessoas com o transtorno não são muito fãs de surpresas então prepare-o de uma maneira delicada caso esteja pensando em fazer uma.
  • Proporcione um ambiente acolhedor demonstrando até um contato físico de maneira equilibrada, claro.

O TDAH não é um bicho de sete cabeças e se tratado desde cedo tende a não surtir tantos efeitos durante o crescimento e faze adulta do individuo, lembrando sempre que o TDAH não é uma doença e sim um transtorno, por isso mesmo não tem cura, mas tem como controlá-lo e manter uma vida estável e saudável.

É preciso bastante paciência com as pessoas com esse transtorno, pois é muito complicado viver com ele, se esquecendo facilmente das coisas, lidando com frustrações diárias, não conseguir ficar parado por um momento, porém não é impossível.

Laís Simão, Pedagoga e Professora Especialista em Deficiências Intelectual e Múltiplas.

Veja também:

TDAH NA ESCOLA

O QUE É TDAH?

TRANSTORNO DE DEFICIT DE ATENÇÃO

O QUE É DISLEXIA?

ATIVIDADES PARA CRIANÇAS HIPERATIVAS

HIPERATIVIDADE SINTOMAS

TRANSTORNO DE DEFICIT DE ATENÇÃO

CRIANÇA HIPERATIVA

Sugestões de Atividades em vídeo para TDAH

Summary
Review Date
Reviewed Item
TDAH TRATAMENTO
Author Rating
51star1star1star1star1star
  • ADHD em crianças

    É normal que as crianças ocasionalmente esqueçam o dever de casa, o sonho durante a aula, …
  • ATIVIDADES PARA CRIANÇAS HIPERATIVAS

      As crianças são agitadas e alvoroçadas, isso faz parte do seu processo de crescimen…
  • HIPERATIVIDADE SINTOMAS

      É incrivelmente normal vermos crianças, correndo, brincando, se divertindo e agitad…
  • TDAH NA ESCOLA

      A fase de começar a freqüentar a escola para muitas crianças é complicada e difícil…
  • DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM

      Para quem trabalha com educação sabe que o processo de aprendizagem não é igual par…
  • O QUE É TDAH?

      O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade é um transtorno neurobiológico,…
  • CRIANÇA HIPERATIVA

        As crianças são agitadas e alvoroçadas, faz parte do seu processo de crescim…
Carregar mais artigos relacionados
  • DATAS COMEMORATIVAS SETEMBRO

    DATAS COMEMORATIVAS SETEMBRO. No mês de setembro os alunos ainda no clima de volta as aula…
  • DATAS COMEMORATIVAS AGOSTO

    DATAS COMEMORATIVAS AGOSTO. Chega o mês de agosto, as energias estão renovadas, ocorrem à …
  • DATAS COMEMORATIVAS: JULHO

    DATAS COMEMORATIVAS: JULHO Enfim chega o recesso escolar, os estudantes têm mais tempo par…
  • DATAS COMEMORATIVAS: JUNHO

    DATAS COMEMORATIVAS: JUNHO Junho é o mês que antecede o recesso escolar do mês seguinte, p…
  • JOGOS DE NATAL

    JOGOS  DE NATAL O natal é uma das épocas mais deliciosas do ano, é um momento para es…
  • COMO ALFABETIZAR UM ALUNO COM SÍNDROME DE DOWN

    COMO ALFABETIZAR UM ALUNO COM SÍNDROME DE DOWN Sabemos que alfabetizar uma criança não é u…
  • BRINCADEIRAS FOLCLÓRICAS

    BRINCADEIRAS FOLCLÓRICAS As brincadeiras folclóricas de fato são super procuradas, são leg…
  • ATIVIDADES PARA CRIANÇAS COM SÍNDROME DE DOWN

    ATIVIDADES PARA CRIANÇAS COM SÍNDROME DE DOWN As crianças com Síndrome de Down ou Trissomi…
carregar mais Andre Marques
  • ADHD em crianças

    É normal que as crianças ocasionalmente esqueçam o dever de casa, o sonho durante a aula, …
  • TRANSTORNO DE DEFICIT DE ATENÇÃO

    O Transtorno de Déficit de Atenção é um transtorno neurobiológico, com uma predisposição g…
  • ATIVIDADES PARA CRIANÇAS HIPERATIVAS

      As crianças são agitadas e alvoroçadas, isso faz parte do seu processo de crescimen…
  • HIPERATIVIDADE SINTOMAS

      É incrivelmente normal vermos crianças, correndo, brincando, se divertindo e agitad…
  • TDAH NA ESCOLA

      A fase de começar a freqüentar a escola para muitas crianças é complicada e difícil…
  • DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM

      Para quem trabalha com educação sabe que o processo de aprendizagem não é igual par…
  • O QUE É TDAH?

      O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade é um transtorno neurobiológico,…
  • CRIANÇA HIPERATIVA

        As crianças são agitadas e alvoroçadas, faz parte do seu processo de crescim…
Carregar mais TDAH

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Além disso, verifique

ADHD em crianças

É normal que as crianças ocasionalmente esqueçam o dever de casa, o sonho durante a aula, …